sábado, 10 de maio de 2014

Ucrânia em guerra!

Na Ucrânia há muitos interesses, erros e mentiras, ninguém detém a verdade ou está de fato com o bem.

A Ucrânia incia uma guerra fraticida, pela manutenção de um Estado que já se encontra maculado e doente desde a sua nova concepção, se havia na Ucrânia um líder duvidoso na figura de Yanukovich pró Russia, há hoje a frente do governo ucraniano pessoas ilegítimas e tão nocivas quanto o deposto presidente, sobre o comando do primeiro ministro interino Arseni Iatseniuk e do presidente interino Turchinov aliado de Timochenko das grandes potência europeias e dos EUA.   Os atuais governantes esqueceram de fato as populações de etnia russa, e toda a região leste da Ucrânia no que se refere a interesses e reivindicações históricas, para não dar margem a alterações políticas e de governo que ameaçem os interesses ocidentais.

As autoridades de Kiev fazem vistas grossas a ações de grupos facistas, e não estão dispostas a atender os clamores dos pró-russos, isto põem mais lenha na fogueira, e claro que leva a ações da Russia na região, nos estágio em que se encontram as coisas Putin está agindo de forma, diríamos moderada, e certamente que com a continuação e acirramento dos desejos de autonomia da região, Moscou agirá incisivamente, é muita ingenuidade achar que os russos ficariam inertes diante das manobras ocidentais e da manipulação da Ucrânia, assim como é igualmente ingênuo atribuir apenas a Moscou toda a insatisfação local, reinante no leste da Ucrânia que caminha a passos largos para uma guerra civil localizada.

Foto: Reuters/Yevgeny Volokin - G1

Ação ucraniana sobre áreas separatistas pro-Rússia é suspensa - G1 04.05.2014

Pró-russos denunciam morte de civis durante operação militar ucraniana - G1 03.05.2014


EFE - G1
Dissimuladamente o premier ucraniano agora atribui as forças policiais de Odessa, a responsabilidade pelas mortes e pela tragédia de 02.05, fosse no centro de Kiev seria responsabilidade do presidente e primeiro ministro como ocorreu quando da deposição do ex-presidente ucraniano.  Os néo-colonialistas do ocidente continuam sua incursão nos Balcãs, mas se assombraram com os acontecimentos vindouros e com a resistência russa.


Odessa - France Press / G1
Na prática o que tem sobrado desta briga de potências e neste cabo de guerra de interesses, são mortos e mais mortos, na maioria de inocentes, e um país cada vez mais divididos, quem se deixou seduzir pelo canto da sereia hoje tenta levar a qualquer preço seu país para um destino que nem de longe é o que pensam ser o melhor e desejavam atingir.

Nós alertamos sobre isto inúmeras vezes, e não torcemos por mortes e sofrimento, pelo contrário condenamos a dissimulação e o financiamento de tragédias para conquistas de novas fronteiras econômicas, em detrimento da autodeterminação dos povos e da integridade das nações, e neste aspectos se há o que condenar sobre os russos, não menos sobre a França, Alemanha, Inglaterra e EUA na região.  Mas os planos de uma ordem mundial suplantando interesses dos povos e países, economias e pessoas, culturas e religiões, não acabaram bem, pois ferem princípios fundamentais que extrapolam conceitos humanos, e não vão ser vitoriosos, e culminaram em muitas situações de dores.

Quero relembrar o que dissemos sobre a Ucrânia ao longo dos meses:

Em 21.03  em

Russia, muito há por vir.


ou em 02.03.2014,

Russia não se deixa ameaçar!


nela lembramos o que foi dito antes em 09.02.2014:

Para quem acredita que a situação se definiu, os problemas apenas começaram e peço a Deus que os fatos futuros não os façam sucumbir em mais uma tragédia como a da Síria.  Nós aconselhamos a união mas as ações tendem a vingança e ao desequilíbrio maior.

Quando falamos de união, falamos dos povos da Ucrânia, e ao lembrar a Síria falamos do caos que foi semeado na Ásia.  Mas não foi o único momento em que nos referimos a isto, e também ainda não está pleno os acontecimentos já que se sucederam mais.


reforçando o que já falamos e que agora é muito evidente para os ucranianos e para o mundo.

Não foi à toa que aconselhamos a união e permanecerem próximos dos que historicamente lhes eram familiar.  Isto ainda em 25.02.2014 Blog do José Dilson: Babilônia, a Grande..

Para quem acredita que a situação se definiu, os problemas apenas começaram e peço a Deus que os fatos futuros não os façam sucumbir em mais uma tragédia como a da Síria.  Nós aconselhamos a união mas as ações tendem a vingança e ao desequilíbrio maior.

Não fazemos apologia a quem fere pelas armas e faz uso delas para se rebelar, não é isto, apenas estamos evidenciando que a dissimulação e manipulação dos poderosos da Europa e dos EUA principalmente, levam o caos a todas as partes para forçar os povos a dobrarem-se aos seus interesses, e fazemos isto para lembrar que estes são os mesmos que patrocinam os "rebeldes" na Síria onde cristãos são crucificados para que cheguem as transformações no poder que permitam aos patrocinadores ocidentais lucrar ainda mais a custa de sangue, e não libertar um povo do opressor sádico que os governava, isto é só pretexto, como o são na Venezuela e outros pontos da Ásia.

Чтобы не повторять плохие действия, такие как те, в Ливии, где они были так обманул, российские лидеры должны занять более жесткую позицию, потому что они теперь лучше всех для решения такой плотный, мощный и разрушительный клуб, как вы думаете, команда один мир.

Независимо от того, если бы русские хороши или нет, следует ожидать в будущем, как они могут! Зима снова будет союзником, но в различных ситуациях, которые произошли в прошлом.

Дело в том, что мы прибыли, но меньшее из зол, Да поможет нам Бог!

Para que não se repita as ações ruins como as ocorridas na Líbia, onde foram sim enganados, os líderes russos precisam ter uma postura mais firme, por serem hoje os mais aptos a enfrentar um clube tão restrito, poderoso e danoso como o que pensa comandar um mundo.

Não importa se os russos são bons ou não, devem se antecipar ao futuro em quanto podem!  O inverno novamente será uma aliado, mas em situações distintas do que já aconteceu no passado.

Que ao menos a disposição de enfrentar os "poderosos" fosse além dos interesses de agora!

A que ponto chegamos, mas dos males o menor, Deus nos ajude!

-----------------------------------------------

Constatando o que dissemos antes:

Venezuela: Maioria dos mortos é vítima de ações opositoras - Vermelho 24.04.2014

Na Venezuela, a tentação do golpe de Estado - Vermelho 20.04.2014

Foto EFE - 

Segundo dados do balanço, apenas seis pessoas teriam sido mortas por disparos efetuados por forças do Estado. 

As informações acima constam no blog Vermelho, e chama atenção pois é evidência do que ocorre no país sobre a influência de atores externos que promovem a desestabilização da Venezuela.

Maduro critica "ingerência grosseira" dos EUA em diálogo venezuelano - Yahoo 01.05.2014

Ministro anuncia criação de brigada cívico-militar - DN Globo 15.04.2014

Maduro se reúne com oposição para acabar com protestos - Exame 10.04.2014

Fotografia © REUTERS/Carlos Garcia Rawlins

Já é tempo de tornar mais claro o que em outro momento fizemos referência, mas lembramos que ainda está em cursos e mais acontecimentos e ingerências do vizinho e aliado dos que estimulam e financiam as pertubações na Venezuela.  Não é desculpa de governo incompetente ou paranoico, há mais verdade nas afirmações do que muitos imaginam, e o que nos deixa incomodado é esta capacidade de fomentar sofrimento que os escravos do poder e do dinheiro tem, independente do hemisfério ou povo afetado.

A Venezuela gradativamente percebe que além de seus prolemas, há atores e situações ruins promovidas para ascensão e pelo interesse de uns poucos,  e ver-se mergulhada em sofrimento e dores graças a estes.

 Já temos alertado como em 21.03.2014 em

Russia, muito há por vir.


Nesta apenas lembramos que se tornaria ainda mais claro o que dissemos em 2012, num dos alertas que são mais antigos:

O que precisava dizer


Veja o que publicamos em 04.03.2012, dois anos antes dos fatos em curso.

Para quem precisa saber que Deus se faz presente, o momento vai mostrar ao menos duas nações irmanadas, não pelo seus povos ou laços fraternos e diretos, mas pelos seus mandatários e seus atos, por terem sido elevados a um patamar muito acima dos interesses legítimos dos seus, é que os fatos vão ocorrer e não fará bem a muitos, sua origem é distante de Deus não importa se na Ásia ou na América do Sul.

De que forma se aplica a Venezuela, não é difícil compreender, basta ver qual a nação asiática que sofre a intervenção e pressões de quem pensa dispor do poder mundial, e nela perceber o que há de comum com o nosso vizinho.

Na Ásia ou na Venezuela,  mesmo não sendo os líderes destas nações guiados por Deus, elas estão irmanadas não pela relação de seu povo mas pelas semelhanças nas intervenções externas que veem sofrendo, e dadas as proporções atuais com o conflito que atinge este povo, há dor e mortes também entre inocentes e não apenas entre os que são instrumentalizados por uma ou mais potência.

Venezuela liberta 52 dos 243 manifestantes detidos em protestos - G1 10.05.2014

Venezuela questiona "moral" dos EUA em matéria de direitos humanos - Notícias ao Minuto 09.05.2014

VENEZUELA EM TRANSE: 243 PRESOS, UM POLICIAL MORTO - Brasil247 09.05

Venezuela acusa Kerry de incentivar protestos contra governo - Exame 08.05.2014

Figueiredo atribui queda da violência na Venezuela à Unasul - Exame 07.05.2014

Venezuela investiga 140 casos de tortura contra manifestantes - Jornal de Notícias 07.05.2014

foto GERALDO CASO/AFP  - Venezuela

Seus líderes já se encontram acima dos interesses legítimos do povo, mesmo que em alguns momentos o tenham defendido ou ainda defendam, mas para parcela significativa de suas populações isto já não é verdade (no entanto não quer dizer que de fato os que fomentam as revoltas são melhores ou corretos),  o problema é que por mais que defendam os interesses do povo, a forma como já agem causa mal a inocentes, isto os põem acima da legitimidade mesmo que a princípio fosse por razões possivelmente justas.

Torna-se de alguma forma apego de alguns ao status, muito mais do que defesa do povo. Também lembramos que em determinado momento deixamos claro que as origens (não os problemas no local, econômicos, políticos e sociais) mas os planos e a motivação que impulsionam revoltosos, ocorrem distantes da Ásia e da América do Sul, mesmo que em ambos cenários haja entre vizinhos imediatos (nações e líderes) que desejam destruir a paz que subsistia precariamente entre o povo na Síria ou na Venezuela (a custa de alguns conflitos e contradições), e queiram levar o caos e mortes para lucrar com "mudanças no poder" construídas a força e também à margem do que é reto.

Que a mediação do Vaticano e da Unasul, crie a possibilidade de conciliação segundo os princípios humanos mais acima de tudo os de Deus, afastando os abutres que ficam ao longe planejando, financiando e lançando farpas quando não instrumentos de morte contra inocentes.  Alguns líderes desviam seus povos do que é desejado, e bom segundo o Senhor, e fomentam o caos para "crescer" ainda mais, mas vão pagar pelo mal que semeiam diante daquele que é justo e bom, e está acima dos homens!

-----------------------------------------------

Para conferir esta que foi curta e rápida:

E para não perder de vistas eis mais uma que se realiza, inclusive com a desagradável surpresa e apreensão até do primeiro ministro da Inglaterra, David Cameron.  Precisa dizer que foram momentos tensos e quais os grandes nomes ficaram surpresos, chocados, preocupados, apreensivos?  

Em 26.09.2013 na mensagem com título:

O fiasco dos que querem a guerra!


Num teatro ou casa de espetáculo o clima é tenso, e grandes nomes estão atônitos ou surpresos diante do ocorrido.

Eis o que ocorreu quase 03 (três) meses depois de postada a mensagem:

Desabamento de teto de teatro em Londres deixa 76 feridos - UOL 20.12.2013

Desabamento de teto de teatro deixa mais de 80 feridos em Londres - R7 19.12,2013

Os serviços de emergência informaram que 81 pessoas foram feridas, muitas na cabeçaAFP
Um dia perceberam o quanto o  Senhor está próximo!

-----------------------------------------------

Novos avisos:

Os europeus se preparem para as surpresas indesejáveis no inverno, e pensem bem antes de iniciar uma peleja que não lhes trará bem algum.  O tempo ajudará os que enfrentam e limitam os interesses dos que dizem estar unidos.

O Brasil precisa de novo prestar mais atenção no que se forma no horizonte futuro, e assim evitar tragédias próximas e evitáveis.

Em nosso próprio país veremos que o período chuvoso será severo, e que preciso ações mais eficazes e centrais dos que as adotadas em cada região.  


-----------------------------------------------

Sei que para muitos as coisas que escrevemos podem ser inaceitáveis ou motivo de desprezo e risos, mas não o são por acaso, quando se olha para elas apenas sobre a perspectiva alimentada pelos tempos atuais, distante cada vez mais de Deus e de sua Palavra, distante mesmo do amor de Jesus, não se pode compreender que o magnífico não é a posto nas palavras ou existe apenas nos fatos que se consumam.

O que é grande e maravilhoso, é o amor de Deus manifestado por meio da misericórdia e através de seu Espírito, não são pessoas como nós (repletas de limitações e erros), nós somos testemunhas de sua presença e amor incondicional, testemunhamos não com os nossos erros que ainda são presentes mas com a superação das situações, conflitos e erros através da busca por uma vida melhor e com Cristo, mesmo ainda estando de alguma forma presos ao que nos limita.

Testemunhamos também, e principalmente, que nós todos devemos nos aproximar e por verdadeiramente Jesus em nossas vidas em todos os momentos, pois estamos muito distante dele apesar do Cristo se fazer presente até nas coisas mais simples e onde menos se espera, sem privar-nos do seu amor, e que só nós é que colocamos obstáculos a uma definitiva comunhão, pois não há outra força capaz de nos afastar dele se decidirmos com Jesus caminhar.    

Sinto que ainda falta algo muito importante para que as mensagens não percam o sentido, e tenham seu propósito atingido conforme a vontade do Senhor, tornar mais claro o testemunho que devemos dar é algo indispensável e torna mais concreta a ação esperada.  DEUS AJUDE-NOS A SEGUIR E A SABER OUVIR, TANTO QUANTO COMUNICAR O QUE SE FAZ NECESSÁRIO!

Por hoje é suficiente, mas há centenas de mensagens a publicar.   Fiquem com DEUS!

Amós 03:03-08

Será que duas pessoas andam juntas, sem antes estarem de acordo? Ruge o leão na floresta, sem que tenha uma presa? Solta o leãozinho seu urro no esconderijo, sem que tenha a sua caça? Cai o pássaro por terra sem que haja armadilha? Levanta-se uma rede do chão, sem que tenha pego algo? Soa a trombeta na cidade, sem que a população se alarme? Vem alguma desgraça sobre a cidade, sem que Deus a tenha mandado? Do mesmo modo, o Senhor Javé não faz coisa alguma sem revelar seu segredo aos profetas, seus servos. Ruge o leão: quem não temerá? Fala o Senhor Javé quem não profetizará?    



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja responsável em seus comentários!

Flagrantes e opiniões no Foco BRASIL

Estamos elaborando e produzindo um novo instrumento de prestação de serviços de utilidade pública, de divulgação de ações sociais e expressão de opiniões, denúncia e informações.

Trata-se do blog Foco BRASIL que breve estaremos publicando, nele estaremos abordando questões relacionadas com o cotidiano e comportamento social, política, administração pública e povo.
Além de implementar, divulgar e apoiar ações de prestação de serviço de utilidade pública

Nossa abordagem será mais específica e isenta, numa linha de informação clara, que estará integrada as outras propostas, em alguns momentos complementando ações em curso, contudo com um formato diferente do trabalho que fazemos nesta página.

Manteremos um link direto com o novo blog aqui nesta sessão, a previsão é de realizar no mínimo uma publicação semanal através deste.

AGUARDEM!

-------------------------------------

Nossas publicações em português do Brasil, podem ser traduzidas através do Translation ou outro aplicativo.
Loading...